Reformas e construções geralmente envolvem arrancar velhas paredes, janelas, armários, ou outras peças de sua casa que antes pareciam permanentes, ou construir paredes e telhados do zero. O problema é que este processo sujo, barulhento e perturbador pode tirar seu sono, se você não estiver preparado para o que está por vir.

Com um planejamento cuidadoso, é possível sobreviver a grandes reformas e obras inteiras, estando no lugar das reformas e obras ou longe. Mesmo que suas rotinas diárias possam ser tiradas dos trilhos, você pode minimizar os inconvenientes e dar-se espaço para recolher os seus pensamentos, mesmo em meio a uma tempestade de poeira, pedaços de pedras e madeiras voando, e a constante chegada e saída de materiais e entulhos da obra.

Minha experiência com obras e reformas

Tenho uma paixão por padronização de processos. Foi essa a temática de meu trabalho de pós graduação, inclusive, focando no treinamento de pessoas para padronização. Com a reforma em meu apartamento que comprei há pouco tempo, e depois de algumas crises de desespero e alergia, pensei em alguns elementos cruciais para tornar uma reforma muito mais fácil de lidar. Assim que passei a seguir essas dicas, meu dia a dia com a obra ficou muito mais fácil, me tornei mais produtivo no trabalho, e a obra começou a render muito mais.

Sobrevivendo a uma reforma ou obra

Na hora de reformar um imóvel, o planejamento de sobrevivência evitará que você fique insano com a bagunça causada pela obra ou reforma, e possa fcar em paz na residência com sua família. (Foto: www.blessthismessplease.com)

Planejamento de obras: sua rotina pessoal

Sua casa pode estar em frangalhos, mas você ainda vai querer um almoço saboroso, uma cama confortável, um banho refrescante, e roupas limpas. Procure criar um porto seguro longe da confusão, seja trancando um quarto ou sala da casa e cobrindo ele todo com coberturas plásticas, ou por ficar longe da casa ou apartamento durante a reforma. Isso pode ser feito saindo de férias, ficando em um hotel, ir para a casa de um amigo ou parente, etc. O importante só, ao “fugir” da obra ou reforma, é não ficar longe demais dela.

Se você tem que viver em casa durante a reforma ou obra, reorganize os quartos antes do trabalho começar. Para se preparar para uma reforma da cozinha, mova seu microondas e geladeira para um lugar onde eles ainda podem ser usados. Se a água vai ser desligada por longos períodos de tempo, compre galões de água e “terceirize” os chuveiros, tomando banho na sua academia, por exemplo. Um quarto pode mesmo tornar-se uma combinação sala de estar/cozinha por algum tempo.

Planejamento de reforma: a limpeza em primeiro lugar!

É quase impossível evitar uma confusão de sujeira e bagunça quando fazendo uma reforma ou obras. Mas os entulhos, lixo e poeira podem ser contidos.

Antes do primeiro martelo ser levantado, trabalhe a logística de resíduos com o seu pedreiro ou empreiteira. Pendure lonas nas portas para vedar quartos onde a reforma está em curso. Estabeleça um plano para lidar com os resíduos para que possam ser encaminhado longe de áreas sensíveis, tais como jardins ou varandas.

Use e abuse do aspirador de pó, preferencialmente um modelo industrial básico (custam menos de R$300). Se os pisos precisam de proteção, cubra todos eles antes de qualquer ação ser executada na obra.

Defenda-se contra a poluição do ar durante as obras e reformas

Ao fazer o planejamento, anote com destaque todos os períodos em que colas, acabamentos, ou outros materiais que tem cheiro forte serão usados. Certifique-se a casa será corretamente ventilada quando cheiros estão no auge. Preferencialmente, planeje uma fuga de 2 a 3 dias, enquanto o cheiro sai da casa.

Proteja seus pertences durante uma obra ou reforma

Alguma poeira vai sempre fugir das áreas de trabalho. Equipamentos eletrônicos, móveis, ou outros objetos de valor devem ser cobertos ou removidos da casa. Além disso, recomendo que você use apenas pratos, copos, e talheres descartáveis nesse período. Lavar coisas na cozinha pode acabar deixando esses objetos até mais sujos. E roupas, preferencialmente, mande lavar em uma lavanderia.

Comunique-se bem com o pedreiro ou com a empresa que está fazendo a obra

Mantenha as linhas de comunicação abertas, tanto quanto possível. Alterações de projeto no meio do caminho muitas vezes levam a problemas inesperados. Por exemplo, na reforma do meu apartamento, a distribuição de água para os apartamentos da minha coluna teve de ser interrompida, mas comunicamos todos os moradores previamente.

Prepare-se sempre para que a obra ou reforma demore mais tempo do que o planejado

Sempre haverão imprevistos em obras. Sempre. E a obra vai fugir do planejamento inicial. Pense sempre com uma margem de, pelo menos, uma semana. Essa margem de erro vai te dar tempo suficiente para se preparar, principalmente se for necessário ficar fora da casa/apartamento durante a reforma. As entregas atrasadas de imóveis, mesmo em imóveis usados, são prova de que imprevistos acontecem com frequência.

Divida a obra ou reforma em partes

Em uma construção, é melhor fazer tudo de uma vez, mas se você não estiver morando na casa ou apartamento. Se você estiver morando no lugar, aí é melhor dividir em etapas.

Veja meu exemplo: foram planejados 2 meses de obras, que agora se estendem para 4 meses. Eu tive uma crise alérgica que me levou ao hospital, o apartamento está pura sujeira, e os vizinhos de prédio já estão muito incomodados. Como sei que tem muita coisa ainda a ser feita e preciso da colaboração dos vizinhos, ao invés de procurar confusão e continuar a obra, é melhor parar um pouco, pedir desculpas pelo transtorno, e retomar as obras só daqui a alguns meses. Além do mais, eu mereço um descanso, e dormir em uma cama limpinha!

E vocês? Quais são as dicas que vocês tem para sobreviver a uma obra ou reforma? Vamos fazer esse manual de sobrevivência ainda mais completo!

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)