Quer se trate de um comprador ou um vendedor de imóveis, todos têm uma coisa em comum: eles não querem ser roubados. Mas como você sabe se você está recebendo um preço justo? Vários elementos devem ser considerados para que você tenha certeza que um imóvel não está caro demais.

Pesquise por casas e apartamentos recentemente vendidos e comparáveis com seu imóvel alvo

Uma propriedade comparável é aquela que é similar em tamanho, condição da vizinhança e amenidades. Uma casa de 1.200 metros quadrados, recentemente remodelada, térrea com uma garagem anexa deve ser listada com aproximadamente o mesmo preço de uma casa semelhante de 1.200 metros quadrados no mesmo bairro. Dito isto, você também pode obter informações valiosas olhando para a forma como a propriedade em que você está interessado se compara no preço para propriedades diferentes. É muito menos dispendioso do que propriedades maiores ou mais agradáveis? É mais cara do que as propriedades menores ou menos atraentes? O seu agente imobiliário/corretor de imóveis (quando confiável e bem escolhido) é a melhor fonte de informações precisas e atualizadas de informações sobre as propriedades comparáveis​. Você também pode olhar para casas que estão atualmente em juízo, o que significa que a propriedade tem um comprador, mas a venda ainda não está completa.

Confira propriedades comparáveis ​​que estão atualmente no mercado

Neste caso, você pode realmente visitar outras casas e ter uma verdadeira noção de seu tamanho, condição e amenidades comparadas com o imóvel que você está considerando comprar. Depois, você pode comparar preços e ver o que parece justo. Vendedores razoáveis ​​sabem que devem precificar suas propriedades de forma semelhante a dados do mercado se quiserem ser competitivos.

Olhe para comparáveis que estavam no mercado recentemente mas não foram vendidos

Se a casa que você está pensando em comprar tem preços similares a casas que foram retiradas do mercado porque não venderam, o imóvel que você está pensando pode ser desse jeito. Conte também empreendimentos imobiliários que não vingaram. Além disso, se há um grande número de propriedades semelhantes no mercado, os preços devem ser mais baixos, especialmente se essas propriedades estão vagas. Existem índices no ramo imobiliário sobre a vacância de imóveis, ou seja, quantos imóveis estão vagos em uma dada região. O que vale apontar aqui é que quanto maior a taxa de vacância, menores serão os preços dos imóveis.

Considere as condições de mercado e apreciação na área

Os preços foram subindo recentemente ou descendo? Em uma alta do mercado, as propriedades provavelmente serão um pouco caras e em um mercado em baixa, as propriedades estão aptas a ser subestimadas. Tudo depende de onde o mercado atualmente se encontra na curva de crescimento e recessão imobiliária. Mesmo em um momento de alta, as propriedades podem não estar superfaturadas se o mercado está em ascensão e não perto de seu pico. Por outro lado, as propriedades podem ser superfaturadas mesmo em um mercado em baixa, se os preços só recentemente começaram a declinar. Claro, pode ser difícil ver os picos e pontos mais baixos até que estejam presentes. Considere também o impacto das taxas de juros de hipotecas e o mercado de trabalho na economia.

Você está comprando uma propriedade à venda direto do proprietário?

Deve ser descontado para refletir o fato de que não há nenhuma comissão do corretor imobiliário. Mas deve ser lembrado também que muitos dos documentos podem estar irregulares, algo que um corretor poderia verificar para você com muito mais facilidade e know-how. Aqui, pagar o preço para o corretor pode ser uma boa forma de garantir o melhor negócio.

Investindo no imóvel certo

Ao escolher o imóvel certo, mesmo que esteja um pouco mais caro em relação ao mercado, você estará também garantindo o melhor destino ao seu investimento, ou seja, realizando seus sonhos. (Foto: www.biggerpockets.com)

Qual é a valorização esperada para a área?

As perspectivas futuras para o bairro escolhido podem ter um impacto no preço. Se o desenvolvimento positivo é planejado, como um grande shopping a ser construído, a extensão do metrô para o bairro ou uma grande nova empresa que se desloca para a área, as perspectivas de valorização da futura casa tem um bom aspecto. Mesmo pequenas evoluções como planos para adicionar mais estradas ou construir uma nova escola podem ser um bom sinal. Por outro lado, se supermercados e postos de gasolina estão fechando, o preço deve ser menor nos imóveis para refletir isso e você provavelmente deveria reconsiderar se deslocar para a área. O desenvolvimento de novas moradias pode ir de qualquer maneira e isso pode significar que a área está aquecida e é provável que esteja em alta demanda no futuro, aumentando o valor da sua casa, ou pode resultar em um superávit de habitação, que irá diminuir o valor de todas as casas na área com o tempo.

Qual é a opinião do seu agente imobiliário/corretor de imóveis?

Sem sequer analisar os dados, o seu agente imobiliário é provável que tenha um bom senso (graças à experiência) de se a propriedade está preço adequado ou não e qual um preço justo de oferta poderia ser. Mas gostaria de lembrar que estes profissionais, na frande maioria, tem um interesse alto em vender os imóveis rapidamente. A paciência para pesquisar até encontrar o imóvel que cai bem no seu bolso pode fazer toda a diferença.

O preço para justo para você?

Se você não está feliz com a propriedade, o preço nunca parece justo. Mesmo se você pagar um pouco mais de valor de mercado por uma casa que você ama, no final, você não vai se importar tanto assim.

Teste as águas

Mesmo em um mercado em alta, você sempre pode oferecer abaixo do preço só para ver como reage o vendedor. Teste alguns vendedores para o menor preço que estão dispostos a tomar porque eles não querem negociar, enquanto outros listam suas casas por mais altos do que esperam para ganhar porque esperam negociar para baixo o valor ou eles querem ver se alguém vai fazer uma oferta a um preço mais elevado. Se um vendedor aceita o seu preço ou contraproposta, você vai ter uma indicação de que a propriedade não era provavelmente tão cara quanto o preço pelo qual foi listada para e você tem uma boa chance de conseguir um acordo justo. Por outro lado, alguns vendedores podem colocar um preço mais baixo em suas propriedades na esperança de gerar muito interesse e provocar uma guerra de lances. Mesmo assim, o vendedor não tem que simplesmente vender a quem pagar mais: os vendedores podem rejeitar todas e quaisquer ofertas que não atendam as suas expectativas. Se você tem seu coração certo sobre a propriedade, esteja avisado de que alguns vendedores podem ser ofendido por ofertas baixas demais e se recusam a trabalhar com você, se você optou por empregar essa tática. Além disso, quando você tem a oferecer menos do que o preço de lista, você pode aumentar o risco de ser superado por outro comprador.

Pague por uma inspeção e avaliação do imóvel

Uma inspeção pode ser um pouco cara dependendo de onde você mora. Contudo, quando bem feita, levará em consideração todos os fatores imobiliários que influem o valor de uma propriedade, incluindo o quanto você deverá investir para deixá-la do seu jeito. Quando estiver em dúvida sobre a compra e já passou por todos os questionamentos acima, talvez essa seja sua única opção.

Conclusão

Quando você for comprar uma casa, é importante entender como casas estão com os preços para que você possa fazer um bom investimento e chegar a um acordo justo com o vendedor. Usando essas dicas, você vai ser capaz de fazer uma oferta confiante e bem informada em qualquer casa em qualquer mercado.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)