Um kit de energia solar é ideal porque não só você recebe os painéis solares ou fotovoltaicos, mas você também recebe todos os outros componentes que são necessários para o seu sistema para gerar eletricidade, incluindo um inversor solar, fiação, e até mesmo uma bateria, se você estiver usando um sistema de energia solar independente.

Kit de energia solar para chuveiro

Esse é um tipo diferente de energia solar. Ao contrário de um kit de energia solar que gera eletricidade, o kit de energia solar para chuveiro serve para aquecer a água. Porém, quando não há sol, e para manter a água aquecida, o kit precisa de um sistema auxiliar elétrico ou a gás, para manter a água aquecida. Em algumas cidades, onde a incidência de raios solares não é muito boa, é mais economicamente viável comprar um kit de aquecimento de água a gás.

Kit de energia solar fotovoltaica

Kits de energia solar permitem que qualquer um possa instalar um sistema solar sem a necessidade de compra de cada componente separadamente. Uma das vantagens de comprar um kit solar pronto é que todas as peças serão compatíveis, e você poderá cobrar a garantia de todas as peças de uma só empresa.

Um engenheiro elétrico deve ser consultado antes da compra e instalação do kit. Deve existir um projeto elétrico que comporte a produção de energia elétrica do kit de energia solar, ou você pode criar problemas como curtos circuitos, e até incêndios. Evite problemas e contrate um profissional.

Componentes de um kit de energia solar completo

Ao comprar um kit de energia solar completo, você deve incluir o painel, o inversor, toda a fiação e, pelo menos, uma bateria pequena. (Foto: www.portalsolar.com.br)

Kit de energia solar completo: independente ou dependente?

A primeira e mais importante coisa a saber quando decidir sobre qual kit solar para comprar, é saber se você está procurando um sistema independente (off grid) ou um sistema dependente (on grid). Um sistema dependente fica conectado diretamente em sua rede elétrica local, e não armazena qualquer excesso de energia criado. Esta energia é enviada de volta para a empresa de energia, e se você produz mais energia do que consome, em muitos lugares, a empresa de energia vai pagá-lo para o excesso produzido. Um sistema independente requer o uso de uma bateria para armazenar qualquer excesso de energia, e não está conectado a nada além da sua residência ou empresa. Ele funciona separadamente como uma entidade própria, e pode também ser usado em conjunto a uma rede elétrica normal.

Localização dos painéis fotovoltaicos

Este pode ser o passo mais importante, porque vai determinar o quanto de exposição ao sol seus painéis receberão. Os painéis devem sempre ser instalados em um telhado, com inclinação para o sul, livre de obstruções que possam projetar sombras sobre os painéis, se possível. Se você não pode instalar os painéis em um telhado virado para o sul, um telhado com inclinação para o lado oeste é a sua melhor opção, seguido pelo leste.

Existem alguns kits de energia solar mais modernos em que os painéis seguem a luz solar, inclinando-se para obter maior incidência dos raios solares. Esses kits são mais caros, mas bem mais eficientes na hora de reduzir a conta de luz.

Kit de energia solar para ar condicionado

Alguns kits residenciais de energia solar menores podem ser instalados em um sistema de ar condicionado. Esses kits são de menor porte, e também mais baratos que um kit residencial. É recomendado que eles venham com uma bateria de pequeno porte para evitar falta de energia durante picos de luz, ou curtos no ar condicionado. Também, para esses kits menores, é bom ter um kit dependente, ou seja, que esteja conectado à rede elétrica, para o caso de faltar energia solar.

Kit de energia solar para residencia e Kit de energia solar rural: preço

Para precificar o kit de energia solar, você tem de seguir as etapas abaixo, para obter um custo menor, e a segurança de que está fazendo um bom investimento.

Projeto elétrico, incluindo o kit de energia solar – Para colocar energia solar na sua residência, você precisará fazer um projeto elétrico com um engenheiro ou eletrotécnico. Os valores variam de R$50 a mais de R$150 por m², dependendo da complexidade do projeto.

Inspeção e atualização da rede elétrica – Se sua residência tem uma rede elétrica com mais de 10 anos, será necessária a troca completa da rede para lidar com a energia solar. Isso se deve ao desgaste natural dos fios e elementos do sistema elétrico, além de troca da caixa de disjuntores para uma que comporte a energia vinda da bateria ou das células fotovoltaicas. A atualização da rede elétrica também evita desperdício de luz, o que pode ajudar a reduzir o custo final do kit de energia solar, pois você precisará produzir menos energia. O preço dessa etapa gira entre R$70 e R$100 por m² da sua residência. A exemplo, o orçamento para meu apartamento, de 125 m², ficou em R$9.000, para atualizar toda a rede elétrica e incluir uma caixa de disjuntores;

Estrutura para o kit de energia solar – Existem telhados que não suportam o peso de um kit de energia solar, e pode ser necessário reforçar o telhado ou construir uma estrutura nova para os painéis, bateria, inversor, entre outros. Os custos aqui variam entre R$50 por m² de telhado a até R$100 por m², podendo chegar a 150 m² se for necessária a construção de uma estrutura a parte para os painéis.

Tipo de kit de energia solar – Existem três tipos básicos: kit de energia solar fotovoltaica para bombeamento/irrigação, kit de energia solar fotovoltaica para iluminação, e kit de energia solar fotovoltaica para residências. O kit para bombeamento e irrigação tem um custo médio de R$5.000, incluindo bombas e painéis, mas sem a instalação hidráulica. O kit de energia solar fotovoltaica para iluminação é o mais barato, com um custo de até R$1000 para um kit básico que ilumina até 3 lâmpadas de 13 W ligadas por dia, por 4 horas diárias, incluindo inversos, painéis, e bateria. O kit de energia solar fotovoltaica para residências varia de acordo com a potência a ser gerada, e vamos detalhar ele mais abaixo.

Mão de obra para instalação do kit de energia solar – Entre R$100 e R$200 por m² dos painéis instalados.

Manutenção do kit de energia solar – Anualmente, o sistema precisará de uma manutenção, além de possível troca das peças. A manutenção pode exigir a troca das baterias, que tem uma vida útil média de até 5 anos. Pode-se dizer que a manutenção do kit de energia solar tem valores entre R$500 a R$2000, anualmente, dependendo diretamente da qualidade do kit, e do tamanho do kit de energia solar.

Kit de energia solar para residência: quando vale a pena?

Um kit de energia solar residencial pode custar entre R$12.000 a até mais de R$65.000, só o kit, sem a instalação. Na hora de escolher o kit, tem que ser considerado o custo por Watt gerado. Isso significa calcular o custo total do kit, dividido pelos Watts que ele é capaz de gerar. Por que isso é importante?

O custo médio por Watt gerado pela energia solar, no Brasil, está entre R$8 e R$15. Isso é bem mais caro do que simplesmente pagar pela luz que chega da rede elétrica normal. Todavia, se você dilui esses custos durante os anos, e faz investimentos graduais em um kit de energia solar, a tendência é que você passe a economizar na conta de luz e, inclusive, possa vender o excesso para a companhia de luz de sua região. Mas isso exige planejamento de reformas na sua casa, bem como um plano de investimentos no imóvel para que os custos não sejam pesados demais e não tornem o kit de energia solar inviável.

Esquecemos de algum detalhe sobre o kit de energia solar? Deixe nos comentários o que esquecemos e sua opinião sobre ter energia solar em casa!

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)