Um número crescente de designers está recorrendo a paredes de vidro e sistemas de portas para ajudar a inundar os espaços interiores com luz natural. O vidro interior é um método simples de iluminação natural, mas projetar esses sistemas pode ser complicado. Mas com as seguintes dicas de design, suas paredes de vidro podem sair com ótimos resultados.

Uma parede com vidro precisa ser bem planejada

Para instalações complexas, crie um modelo para garantir o ajuste e as folgas apropriados dos componentes e do hardware da vidraça. Sem um modelo, existe o risco de que a vidraça e os componentes não se encaixem corretamente e exijam ajustes caros. Considere o modelo como um rascunho do projeto final.

É importante verificar o piso para a parede de vidro

Avalie cuidadosamente a condição do piso quando a vidraça for detalhada para atender ao piso. Se o piso não estiver nivelado ou irregular, a vidraça não poderá ser instalada corretamente. Variações no nível do piso devem ser abordadas para garantir que os canais do piso estejam nivelados e verdadeiros, sem escorregadios.

Providencie guias e encaixes apropriados para os vidros

Forneça guias e suportes adequados para proteger uma estrutura. Normalmente, a guiga é realizada com o uso de ângulos de aço ou alumínio acima do teto. Muitos modelos são modulares, o que facilita também o encaixe perfeito  para os melhores resultados. As guias servirão para orientar também portas e painéis deslizantes, caso estes estejam em suas paredes.

Usando paredes de vidro

Uma parede de vidro pode ampliar o campo de visão de um cômodo e te dar um cenário lindo para apreciar todos os dias. (Foto: Architecture Art Designs)

Considere as folgas para os vidros

Considere as condições, folgas e encaixes ao instalar fechos de portas rebaixadas quando estiver fazendo o envidraçamento. Certos tipos de piso não podem ter furos para aceitar guias de piso. Quando os guias de piso para ferragens de remendo ou trilho não podem ser instalados, os modelos de vidros suspensos são uma opção viável.

Espessura de vidro para parede

Especifique a espessura adequada do vidro para o tipo de aplicação. Evite usar vidro grosso onde não é necessário e vidro fino em aplicações de longo alcance, onde a flexão é uma preocupação. Escolher a espessura adequada também vai influenciar no conforto sonoro do local, pois vidros mais grossos ou em camadas podem ser melhores para o isolamento acústico.

Divisória de vidro em casa

Uma divisória de vidro pode até ajudar a dar uma sensação maior de privacidade e divisão de cômodos. (Foto: Pinterest)

Escola a transparência certa do vidro

Esteja ciente de que o vidro “transparente” pode ter uma tonalidade verde ou azul inerente. Isso pode variar de acordo com o fabricante e o tipo de vidro especificado.

Isso pode ser muito importante se você quer um ambiente mais privado ou mais aberto. Em ambientes privados, vidros espelhados e de uma via só podem ser melhores, enquanto que espaços abertos podem usar melhor vidros com maior transparência.

Cuidado com as bordas e cortes dos vidros

Evite expor a condição da borda do vidro laminado. Quando a borda é exposta, uma linha da folha interna de plástico fica visível. Isso pode prejudicar a vida útil do seu vidro também.

Não tente cortar ou perfurar vidros temperados no local da instalação. Isso requer ferramentas especiais e deve ser feito na fábrica.

Painéis de vidro em casa

Painéis de vidro podem ser ideais para separar a casa de jardins de inverno sem perder a vista desses ambientes. (Foto: Architecture Beast)

Vidros jateados e com outros tratamentos

Ao especificar vidro com ácido ou jato de areia, verifique se o proprietário está preparado para a tarefa de limpar e manter o vidro. A parte exposta do vidro decapado com ácido ou jateado é difícil de limpar porque a superfície de poros abertos absorve graxa e óleos. Os produtos de limpeza devem ser usados ​​de acordo com as recomendações dos fabricantes.

Prazos e obras

Esteja ciente dos prazos de entrega ao especificar vidros especiais. Alguns tipos de vidro padrão são mantidos em estoque pelos fornecedores e estão prontamente disponíveis. Outros devem ser fabricados sob encomenda.

Os vidros também devem ser uma das últimas coisas instaladas na obra, pois assim se reduz o risco de quebras.

Marque seus vidros para evitar acidentes

Não se esqueça de incorporar marcas de distração. Esses adesivos impedirão as pessoas de entrar no copo. Eles devem ser tratados como elementos gráficos que funcionam em harmonia com o design geral. Podem também aparecer na forma de marcas no chão, ou plantas na frente do vidro, evitando que as pessoas batam de cara neles.

Como vocês usam paredes de vidro? Quais dicas daria para quem quer essas paredes em casa?

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)