Manta líquida para laje, como aplicar?

Em Construir e reformar por André M. Coelho

Hoje, há muitos materiais disponíveis para escolher para impermeabilizar um telhado. Nos últimos anos, mantas aplicadas líquidas provaram ser uma solução viável, econômica e mais ecológica. Ao pesquisar em todo o mundo “revestimentos” do telhado, como esses materiais são comumente chamados, os empreiteiros do telhado percebem que nem todos são criados iguais.

O que é a manta liquida para laje?

Existem algumas categorias gerais de mantas líquidas para lajes, para coberturas, cada uma dessas categorias, incluindo grandes variedades de produtos para escolher.

A maioria dos revestimentos de cobertura hoje fornecem os benefícios da cor branca reflexiva, que redirecionam grande parte dos raios UV e abaixam a temperatura do telhado durante a exposição direta do sol, características conhecidas como telhado fresco.

Além disso, a recuperação de telhados existentes utilizando soluções aplicadas a líquidos traz o aspecto ambiental significativo de não ter que acrescentar milhares de toneladas de materiais de coberturas desfeitos todos os anos aos aterros.

Vamos trazer alguma luz sobre vários aspectos críticos ao escolher as soluções apropriadas de impermeabilização para coberturas com a manta líquida.

Preparo antes de aplicar impermeabilizante manta líquida

Uma grande proporção das lajes, anos atrás, eram cobertos com membranas betuminosas ou com EPDM, e são hoje boas candidatas para serem recuperadas. Totalmente substituindo o antigo sistema de telhado por um novo é muitas vezes proibitivamente caro, mas nos últimos anos, os sistemas de mantas líquidas emergiram no mercado como alternativas confiáveis.

A primeira condição que deve ser cumprida na escolha do material certo é a compatibilidade entre a superfície da laje existente e o produto líquido destinado a ser usado. Não prestar atenção ao tipo de material usado anteriormente para revestir pode ser um erro dispendioso.

Por exemplo, é uma má ideia aplicar uretano sobre uma superfície anteriormente revestida com acrílico. O solvente contido pela maioria dos revestimentos de uretano apresenta um alto risco de re-emulsificação para o acrílico.

Outro exemplo, é uma laje previamente coberta com silicone. Este tipo de superfície não aceita qualquer outro tipo de revestimento, e a superfície de silicone obstruirá a adesão.

Igualmente importante antes de impermeabilizar uma laje é a limpeza adequada do substrato. Se é um novo deck ou um sistema de lage existente, esse processo é muito importante, pois os produtos líquidos precisam aderir diretamente na superfície limpa do substrato. Detritos, graxa, poeira ou quaisquer outros disjuntores de títulos entre a superfície do convés e o material fluido recém-aplicado enfraquecerão ou obstruirá a adesão.

Consequentemente, um substrato não limpo adequadamente afetará negativamente o desempenho da membrana curada, levando ao seu fracasso precoce. A lavagem de pressão é o método mais comum de limpar um telhado existente para a preparação da superfície. A maioria dos fabricantes especifica para este propósito seu próprio detergente, geralmente um biodegradável, ou um equivalente genérico amplamente aceito.

Ligue para a fabricante de manta líquida para especificar qual modelo de manta líquida é o certo para sua aplicação. Há modelos de mantas líquidas para diferentes aplicações, como lajes que terão tráfego, lajes sem tráfego, entre outras.

Aplicando membrana de impermeabilização

A membrana de impermeabilização líquida pode ser aplicada com facilidade em um telhado, e atender todas suas necessidades de impermeabilização. (Imagem: divulgação)

Como aplicar manta líquida?

Uma aplicação típica de membranas de mantas líquidas consiste em cinco etapas principais, que devem ser tratadas com a maior importância, seguindo as instruções do fabricante do produto. Estas etapas são: limpeza, priming, tratamento de detalhes, aplicação principal de revestimento e inspeção.

Passo 1: Limpeza da laje

O primeiro passo na impermeabilização de uma laje é a limpeza do substrato. Todas as aplicações de membranas líquidas de sucesso requerem adesão superior. Por causa dessa razão, a limpeza adequada é tão importante quanto a aplicação correta real do material líquido. Normalmente, a lavagem de pressão é o método mais comum para limpar a superfície do substrato. Este processo elimina problemas com a aderência da manta. Além disso, isso exporá detalhes que necessitam de tratamento, que podem não ser visíveis a um primeiro olhar

Passo 2: Primer da laje

Após a limpeza, a preparação da superfície é projetada para melhorar a adesão da manta. Os iniciadores também ajudam a bloquear o sangramento dos óleos betuminosos do telhado existente através da membrana líquida. Antes da aplicação da maioria dos primers, os contratados devem garantir que a superfície esteja seca. Para reduzir o tempo de secagem geralmente usam ventilador de ar ou maçaricos.

Passo 3: Tratamento de detalhes

O terceiro passo é o tratamento de detalhes. Os contratados devem tratar cuidadosamente todos os detalhes e somente após a conclusão desta etapa, devem retomar a aplicação de campo da membrana líquida. Detalhes, como cantos interiores e exteriores, bem como a parede nos cantos do tipo de piso, as terminações de metal, encanamentos, saliências,  tubos, aberturas, drenos, etc. são tipicamente pré-tratados com tecido de reforço embutido na membrana líquida e / ou com um selante.

Estes são os pontos mais críticos do telhado que podem ser facilmente supervisionados, portanto, exigem consideração especial. O tempo de cura adequado exigido pelos materiais utilizados para o tratamento de detalhes devem ser seguidos antes de aplicar o revestimento principal.

Passo 4: Aplicação principal de revestimento

O próximo passo é a aplicação da manta líquida na laje. Existem dois tipos de aplicações de membranas líquidas. Algumas exigem a impregnação da base de reforço durante a instalação e algumas não. Independentemente se a base de tecido for obrigatória ou não, a maioria dos fabricantes exige que a aplicação de revestimento seja realizada em duas ou mais camadas sucessivas. A taxa de consumo de cada produto de revestimento é indicada nas especificações técnicas dos fabricantes. O método de aplicação, a porosidade do substrato, a temperatura e os resíduos são fatores externos que podem influenciar a taxa de consumo especificada. Siga às instruções à risca, e não fuja das recomendações dos fabricantes.

Passo 5: Inspeção da manta líquida

Na maioria das inspeções de projetos é exigido pelo fabricante durante todas as fases da aplicação. Isso pode incluir, cobertura do teste de mock-up primer, pull-out, inspeção visual dos tratamentos de detalhes e, no entanto, inspecionando o milhão de revestimento aplicado. Respeitando a espessura do filme úmido durante a aplicação é importante. Muito produto líquido aplicado de uma vez resultará em material por baixo da superfície de pele da membrana. Não suficiente material para atender ao trabalho necessário, provavelmente levará ao fracasso prematuro da manta. Aberturas na borda do tecido sinalizam cobertura imprópria do tapete de reforço na seção sobreposta. Todos esses erros devem ser observados e corrigidos no momento da inspeção.

Cuidados na impermeabilização de uma laje

O sucesso de qualquer projeto de impermeabilização de laje plana é sempre dependente da aplicação correta. “Revestir” uma laje nem sempre significa que o telhado se tornará impermeabilizado. Muitos revestimentos têm apenas a função para proteger a membrana do telhado existente da ação degradante da exposição de raios UV, prolongando sua vida.

Por exemplo, os revestimentos acrílicos re-emulsionaram na água, resultando em uma falha completa do produto em lugares do telhado onde a água estagna. Os proprietários de edifícios e / ou gerentes de propriedade devem considerar apenas usar esses revestimentos apenas para fins de manutenção, onde o telhado tem uma boa inclinação positiva e a água não acumula em torno de drenos.

Mesmo ao escolher a membrana de impermeabilização aplicada a líquido designada adequada, há muitos aspectos importantes a serem considerados para um projeto de impermeabilização bem-sucedido.

O substrato está seco?

A temperatura do substrato e do ambiente estão dentro da faixa aceita de aplicação?

O consumo requerido é encontrado?

O tempo de secagem de cada camada de produto líquido respeitado?

Comoa aplicação é administrado corretamente com eventual chuva recebida?

O contratante do telhado deve respeitar as limitações do produto de todos os fabricantes e gerenciar adequadamente o processo correto. A conformidade estrita das instruções de aplicação é a maneira mais segura de garantir que uma laje se torne impermeabilizada.

Muitas fabricantes oferecem treinamento especializado aos contratados, reuniões de conhecimento de produtos para distribuidores, e tem toda uma equipe de atendimento para solucionar dúvidas. Essas atividades são projetadas para trazer informações valiosas sobre seus produtos e educar o público sobre a aplicabilidade adequada.

Como evitar vazamentos com uma manta líquida?

Independentemente do tipo de sistema de manta líquida, a fim de atingir um telhado livre de vazamento de longa duração, o contratante deve obter uma superfície de substrato livre de problemas, tratar com precisão os detalhes e aplicar adequadamente a membrana de impermeabilização líquida.

Nas lakjes onde os vazamentos aparecem, eles ocorrem principalmente em detalhes que não foram tratados corretamente. Se esses detalhes são penetrações, como tubos de ventilação, drenos, claraboias ou unidades de ar condficionado da cobertura, paradas de parapeito terminações, os detalhes são os pontos mais suscetíveis em que a água pode se infiltrar em última análise, levando a vazamentos.

Muitas vezes, paredes de alvenaria, se a paredes de parapeito ou a seção de construção adjacente acima da linha do telhado não são tratadas. Sem tampagem correta sobre a parede do parapeito ou o tratamento repelente apropriado de paredes de alvenaria, a água será facilmente absorvida pela alvenaria, que pode levar a novas transmissões de água / vapores dentro da estrutura do telhado e, finalmente, dentro do edifício.

Além do processo de inscrição, a manutenção adequada durante o curso do ciclo de vida da membrana do telhado é de extrema importância. Os proprietários de construção ou gerentes de propriedade devem considerar empregar profissionais de cobertura para realizar inspeções de lajes periódicas e trabalhos de manutenção. É uma boa prática inspecionar uma laje pelo menos duas vezes por ano, a fim de verificar a função adequada dos drenos, remoção de detritos, verificando o status da manta e fazer quaisquer reparos necessários assim que parecerem necessários. Limpar o telhado ajudará a manter a reflexividade em altos níveis por mais tempo. Um telhado fresco permanece fresco, desde que a cor branca reflexiva seja exposta ao sol e não esteja sendo coberta por sujeira ou outros detritos.

Características da manta líquida para laje

Acrílicos e silicones representam mais da metade de todas as membranas líquidas do telhado disponíveis em nós. Os acrílicos são geralmente a solução mais barata, com um baixo VOC, fácil de aplicar e limpar, com um simples processo de re-revestimento mais tarde. A maioria dos sistemas de telhados acrílicos envolvem a aplicação de várias camadas de revestimento com reforço de tecido, que infelizmente alonga o projeto. Sua principal desvantagem, no entanto, é que os polímeros acrílicos re-emulsionam em água, consequentemente, limitando sua operabilidade nos telhados com água ponding. Este é um grande problema, como se sabe que a grande maioria das lajes planas existentes não drenam a água corretamente.

A maioria dos silicones no mercado fornece boa resistência à estagnação da água e é relativamente fácil de instalar. Um grande recuo é que os revestimentos de silicone não podem ser recusados ​​com outros produtos líquidos e o re-revestimento deve ser feito com o mesmo silicone, o que geralmente envolve um processo incômodo, que vem com um alto preço em material e trabalho.

Limitações impostas por condições climáticas são outro aspecto importante que os gerentes de propriedade e os proprietários de construção devem ter em consideração. Empreiteiros são frequentemente restringidos por essas limitações, especialmente durante a primavera e verão devido ao calor excessivo e / ou chuva imprevisível.

Quanto custa aplicar manta líquida na laje?

O custo para impermeabilizar uma laje depende da escolha do sistema de manta líquida escolhida.

Ao estimar o custo de impermeabilização, o proprietário do edifício ou o gerente imobiliário deve levar em consideração que o custo do material e o custo de mão de obra são ambos contingentes nesta seleção.

O tipo de revestimento e implicitamente a quantidade de material com base no consumo especificado, se o tecido de primer e reforço são necessários ou não, o custo dos acessórios e / ou material adicional para tratamento de detalhes ditam o custo final do material.

O custo do trabalho é determinado pela quantidade de tempo que o contratante precisa completar o projeto de impermeabilização. A limpeza, o substrato de preparação e aplicação da membrana líquida devem ser alocados com tempo suficiente para a conclusão adequada, a fim de ter um custo de mão de obra precisa.

O valor do serviço custa entre 3% e 5% do salário mínimo por metro quadrado de aplicação da manda líquida. Somado com o custo da manta, o valor por metro quadrado vai entre 5% e 10% do salário mínimo vigente.

Às vezes, os gerentes de propriedade e os proprietários de construção não colocam ênfase suficiente sobre a confiabilidade, a funcionalidade e a importância da solução adequada de impermeabilização para suas lajes. É muito importante sublinhar os custos associados à manutenção e reparos durante a vida da manta do telhado, bem como o custo de re-revestimento no final do ciclo de garantia. Esses custos geralmente disparam para materiais com baixo custo de aplicação. Geralmente, para soluções de impermeabilização inferiores, o preço aparece baixo no início aumentam exponencialmente mais tarde.

Do outro lado do espectro, uma solução de impermeabilização de alta qualidade bem escolhida envolve um preço mais alto no momento da aplicação, mantendo o custo de manutenção baixo e provavelmente menos reparos necessários. Além disso, um sistema de telhado aplicado com líquido inteligente, permitirá um processo de re-revestimento econômico na renovação da garantia.

Ficou alguma dúvida? Deixem nos comentários suas perguntas e iremos responder!

Sobre o autor

Autor André M. Coelho

A mãe de André sempre gostou de fazer reformas na casa que tem em um sítio. André aprendeu com ela, e quando comprou seu apartamento, começou a projetar, reformar, e adaptar diversas coisas que não gostava. Como síndico do prédio, convenceu os moradores a trocar a rede elétrica da década de 70, trocar os extintores por modelos mais seguros, e adaptar as escadas do prédio com corrimões mais seguros. Hoje está com um projeto de um imóvel na zona rural, compartilhando no site 2 Quartos tudo que vai aprendendo sobre reformas, construção, e mercado imobiliário.

Deixe um comentário