Quando um sistema de escoamento e drenagem de água não funcionam, poças de águas residuais em áreas molhadas se acumulam ou fluem para outras partes da casa. Isso pode ter sérias consequências para a saúde dos moradores de uma casa ou apartamento. Um pequeno problema de caimento pode fazer com que a água de uma máquina de lavar retorne toda para outros cômodos da casa, por exemplo. Ou que seu banheiro sempre fique com uma incômoda poça de água após um banho.

Um caimento da água ruim tornará pisos mais difíceis de limpar, sem contar os riscos de quedas ao passar no chão molhado, e o possível acúmulo de mofo e bolor nas áreas úmidas. Os efeitos a longo prazo do acúmulo ou vazamentos de água por caimento mal feito podem incluir podridão, ferrugem, ataques de cupins e, eventualmente, falhas estruturais.

Vale lembrar que caimento é também um problema muito comum em telhados instalados sem o suporte de um responsável técnico.

Problemas de caimento em apartamentos novos ou usados: reparos caros e chatos de fazer

Seja o apartamento novo ou antigo, o problema de caimento e drenagem é muito comum, infelizmente. E o reparo de um caimento é caro de fazer, porque você terá de remover todo o piso, refazer toda a impermeabilização e caimento das áreas onde há problemas. Em alguns casos, é possível refazer apenas uma parte do piso, levantando-a para provocar o caimento apropriado para um ralo ou sistema de drenagem.

As mesmas regras valem para telhados. Se o o caimento está ruim, pode ser necessário modificar toda a estrutura para dar o suporte adequado ao novo caimento, e à possível parte do telhado que terá que subir para aumentar a inclinação.

Minha experiência: tenho problemas de caimento em todas as áreas molhadas da casa. A cozinha tem um ralo, mas o caimento dela é pro lado oposto. No banheiro social, quando é lavado, além de acumular poças de água, o caimento dele é pra fora, e a água vai direto para meu quarto. Na suíte, muitas poças, caimento pro lado errado, além de infiltrações no apartamento do vizinho. E meu telhado tive que trocar ele inteiro, porque tinha pouco caimento, e também não dava vazão para a água que caía nas calhas. Isso poderia ter sido evitado se o engenheiro tivesse colocado esses detalhes em seu relatório, ou se eu tivesse chamado um engenheiro para inspecionar o imóvel antes de me mudar. Erros acontecem, mas isso não significa que você precisa cometer os mesmos erros que eu.

Importância do caimento de água em uma residência

Um bom caimento é necessário para ajudar na drenagem de água de sua residência, evitando problemas com mofo, podridão, lodo, e infiltrações incômodas. (Foto: www.seebee.com)

Caimento do piso ou Caimento do telhado: como conferir antes de comprar imóvel?

Nada melhor do que água para testar o caimento de água, não é? Mas de nada adianta sair jogando água pelo chão da casa ou telhado sem saber o que deve ser verificado. Se você se sente inseguro em fazer esse teste, vale a pena contratar um técnico em edificações ou engenheiro civil para te dar o suporte nessa verificação. O teste deve verificar o seguinte:

Caimento simples – Uma garrafa de água (1 litro) pode fluir para um dreno no chão de todos os pontos de uma lavanderia ou banheiro. Derrame a garrafa, e a um palmo de distância desse primeiro ponto, derrame outra garrafa, sucessivamente. Anote os pontos onde a água demorou a descer para o ralo ou acumulou em uma poça. Teste esses pontos com mais uma garrafa de água. O mesmo teste, em um telhado, deve ser feito com uma mangueira, verificando também se há acúmulo ou gotejamento de água nas calhas.

Queda de água no ralo de áreas secas e áreas molhadas (excluindo chuveiro) – Ao redor do ralo, a água tem que cair de forma uniforme, sem imperfeições. Com um balde de água (5 litros), jogue água ao redor do ralo, e veja como é o escoamento para ele. Se apenas um “lado” do ralo está recebendo água, pode ter um problema de caimento e a água pode até já estar infiltrando em alguns pontos.

Ralo do chuveiro – O ralo do chuveiro precisa ser testando com água constante. Abra o chuveiro ou mangueira, e espalhe a água por toda a área do box do chuveiro. Deixe a água escorrer por até 15 minutos. Se for apartamento, vá até o apartamento inferior durante o teste, e procure por sons de goteiras ou sinais de infiltração. No ralo do chuveiro, verifique a quantidade de água que está acumulada no ralo, e se o sifão está coberto pela água, para que cheiros não retornem do sistema de esgoto. Qualquer poça de água que continuar depois de 10 minutos da água desligada é um sinal de problemas de caimento.

Outras verificações – Qualquer retorno de água é sinal de que há entupimentos ou que o sistema feito não suporta o volume de água ao qual está submetido. Se não há entupimentos e mesmo assim, a água volta, é sinal de que todo o sistema hidráulico pode ter de ser refeito.

Onde uma casa ou apartamento tem que ter caimento e ralos?

Nem todo cômodo de um apartamento precisa de caimento, e nem todo cômodo precisa de um ralo. Para sua lista de verificação antes de comprar um imóvel, as seguintes áreas precisam de caimento e ralos:

Banheiros – Dois ralos, sendo um exclusivo para o chuveiro, e um exclusivo para a área fora do box do banheiro. O caimento da área externa ao chuveiro tem que ir todo para o ralo externo, e o caimento da área do chuveiro tem que ir todo para o ralo do chuveiro.

Lavanderias – Um ralo. Se esse ralo for um sifão, e estiver recebendo água de uma máquina de lavar, verifique se a caixa sifonada é capaz de receber toda a água, tanto do piso quanto da máquina de lavar/tanque sem transbordar.

Cozinha – Um ralo, preferencialmente perto da pia, e com todo o caimento da cozinha direcionado a ele. Muitas pessoas vão te dizer que cozinha é “área seca”, e não precisa de ralo., mas o dia que você tiver que lavar a camada de gordura do piso da cozinha, você vai lembrar do que eu estou te falando.

Varandas, lajes, e coberturas – Um ralo. Mesmo sendo consideradas áreas secas, essas três áreas estão propensas a ficarem molhadas, principalmente quando há chuvas mais fortes.

Garagem – Pelo menos um ralo, com caixa de separação de resíduos sólidos.

Áreas externas – Depende da área. Por exemplo, a área ao redor de uma piscina pode ter ralos lineares ao redor, para recolher o excesso de água. Calçadas ao redor da casa podem seguir o mesmo princípio. Áreas de lazer concretadas precisam de pelo menos um ralo para drenagem da água.

Veja no vídeo abaixo um teste simples de caimento quando não há água disponível.

Controle e manutenção do caimento de água

Anualmente, teste todos os ralos e drenos de água. Faça uma limpeza de calhas, canos, e sifões. Quanto antes os problemas forem detectados, mais fáceis são de reparar.

Caimento e drenagem de água são reparos simples de fazer em casas novas ou usadas, mas sabendo exatamente onde há problemas e quais são esses problemas, você poupará tempo, terá como fazer o planejamento correto das suas obras e manutenções sem entrar no buraco negro financeiro que é a casa própria.

Você teve problemas com caimento na sua casa? Como resolveu o problema? Que dicas daria a outros passando por essa situação ou que ainda estão procurando imóvel para comprar?

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)