O vaso com sete ervas é uma simpatia para muitas pessoas que querem trazer energias positivas para suas casas e lares. Porém, é preciso saber como plantar essas pequenas ervas para obter os melhores resultados e saber como cuidar para que elas possam espantar as energias negativas por muito mais tempo.

Sete ervas sagradas

As sete ervas que devem ser plantadas no vaso e suas funções na obtenção de energia positiva são as seguintes:

Alecrim: serve como aproximação ao que é sagrado.

Arruda: combate a inveja e o olho gordo.

Comigo Ninguém Pode: afasta e quebra tudo que tenha energia negativa, servindo para quebrar feitiços e magia em uso conjunto com a espada de São Jorge.

Espada de São Jorge: serve para trazer a proteção e a força de São Jorge para o ambiente

Guiné: bloqueia as energias negativas e emana energias positivas para o ambiente.

Manjericão: traz energias e alegria e amor.

Pimenteiras Capsicum: tem uma energia estimulante, afrodisíaca, e tonificante, servindo para atrair boas energias para o amor.

Sete ervas: como plantar?

Para o plantio das sete ervas, você primeiro precisará de obter as mudas ou plantá-las em um berçário antes do transplante definitivo para o vaso ou jardineira. O solo precisa ser preparado com uma mistura de condicionador de solo, como casca de ovo seca e moída no liquidificador; húmus de minhoca, adubo NPK, cinzas de churrasqueira, entre outros itens para deixar o solo rico em nutrientes para o crescimento dos vegetais. Uma camada inferior deve ser feita com brita, seixos, manta de bidim ou argila expandida, reduzindo o ritmo da drenagem do solo.

Como proteger sua casa com as 7 ervas

O vaso com sete ervas garante uma energia positiva para sua casa e muita proteção. (Foto: Blog Giuliana Flores)

Vaso 7 ervas: como cuidar?

Para cuidar do vaso de 7 ervas, você deve começar escolhendo um vaso ou jardineira com tamanho suficiente para comportar as sete plantas. Isso significa um vaso ou jardineira com 10 cm a 15 cm de profundidade, e um tamanho suficiente para as plantas ficarem espaçadas por um palmo fechado.

O local das plantas deve ser ameno, recebendo boa luminosidade, sem sol direto nas horas mais quentes do dia para não queimar as plantas que são mais frágeis.

As plantas devem ser regadas diariamente, mas sem encharcar o vaso. Lembre-se de fazer um bom dreno para a água, fazendo com que ela não se acumule no fundo do vaso ou jardineira.

Regue diariamente, porém sem encharcar a terra, o excesso de água pode causar o aparecimento de doenças em sua criação, faça as regas de forma a apenas umedecer o solo. De tempos em tempos pode ser necessário remover ramos que tenham vindo a morrer em algumas das plantas para manter o vaso mais limpo e arejado.

Remova ramos das plantas que morreram e cuide para manter as plantas sempre saudáveis.

Onde colocar o vaso com sete ervas?

O vaso com sete ervas pode ser colocado em qualquer ambiente que a pessoa deseja proteger e manter limpo de energias negativas. Esses ambientes tem de possuir uma abertura para áreas externas porque essas plantas gostam de luz, sol, e ar que circula.

Como vocês plantaram suas sete ervas? Quais são as dicas de cuidados que vocês usaram?

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)