Controle ervas daninhas no gramado de jardim! Sítio, casa, fazenda!

Escrito na categoria "Dicas para sua casa" por André M. Coelho.

Quando se trata de ervas daninhas em seu jardim, uma hora de prevenção é melhor do que uma temporada inteira arrancando ervas e raízes por todo um jardim.

Ao contrário de sementes e mudas que você escolhe plantar, as ervas daninhas comuns já estão presentes em seu jardim antes de qualquer outra planta chegar lá. É por isso que é tão difícil de se livrar de ervas daninhas depois delas terem se enraizado.

Se você evitar que sementes de ervas daninhas germinem, o seu jardim estará sempre livre delas, e há métodos infalíveis para tornar isso possível.

Como eliminar ervas daninhas da grama: evite perturbar o solo

As sementes das ervas daninhas estão hibernando em seu solo o tempo todo, apenas esperando a luz do sol para que possam germinar. Deixadas no subterrâneo, muitas sementes de ervas daninhas permanecerão dormentes por anos. Então, a menos que você perturbe o solo, as sementes de ervas daninhas mais provavelmente permanecerão em hibernação.

Para isso, evite semear sementes usando arados elétricos, ou cavando áreas maiores do que for necessário. Semeie suas flores e vegetais acima do solo, com muito adubo, folha, ou mesmo em recipientes preparados. Melhor ainda, use mudas para o plantio, perturbando o mínimo de solo possível.

Controlar ervas daninhas no gramado

O controle e manutenção de ervas daninhas é fácil quando é um cuidado realizado ao longo de um tempo, ao invés de ser feito apenas pontualmente. Mas várias técnicas podem ajudar até aos mais desleixados. (Foto: bestmynest.com)

Veneno para matar ervas daninhas na grama: sufocando as ervas

Outra maneira de evitar o crescimento das ervas daninhas é cobrir o solo com coberturas orgânicas ou sintéticas que bloqueiam o sol. Misturas orgânicas de madeira, jornal, papelão, e palha se degradam em poucos meses, melhoram a estrutura do solo, adicionam nutrientes, e ainda dão uma cobertura sintética ao ambiente. O plástico pode ter um papel mais paisagístico, mas não ajuda na recomposição do solo. Porém, essas estratégias funcionam para áreas onde há pouca grama, onde o gramado não cresce, ou quando você está trocando a grama para um novo plantio.

Para uma boa estratégia de cobertura orgânica, molhe o solo antes de formar as camadas, o que irá evitar que as camadas soprem para longe enquanto você trabalha. Espalhe a cobertura com 2 a 4 polegadas de profundidade, pressionando contra o solo para eliminar as ervas daninhas já existentes, reter a umidade, e sufocar as sementes.

Como matar pragas na grama: herbicidas

Um herbicida deve ser aplicado sobre a grama para matar as sementes e as ervas daninhas já existentes ou em germinação. Os compostos preparados para isso são bem eficientes e não oferecem risco aos seres humanos, se manuseados com o uso do EPI adequado e seguindo às recomendações do fabricante.

Existem pessoas que fazem soluções caseiras com vinagre e outras substâncias, como o cal. Outros chegam até a jogar sal no solo. O problema disso é que com o tempo, essas aplicações caseiras podem alterar profundamente a química do solo da casa, prejudicando o crescimento de qualquer grama ou vegetal no jardim, sítio, fazenda, etc.

O melhor tipo de herbicida é o que mata a erva daninha quando ainda semente, em seus estágios iniciais de germinação. Para definir isso, você terá que observar seu quintal ou jardim, e contar o dia exato em que as ervas aparecem e subtrair três semanas dessa data. Essas 3 semanas exatas anteriores é quando você deve aplicar o herbicida para maior eficácia e menor prejuízo para o solo e outras plantas de seu jardim ou quintal.

Plante seu gramado bem próximo e compacto para evitar ervas daninhas

Quanto mais compacto for seu gramado, menos espaço as ervas daninhas terão para crescer e se multiplicar. Em muitos gramados, isso pode significar ter que remover um trecho e fazer o replantio. Muitas vezes, as ervas daninhas crescem porque você fez um padrão de plantio errado, e é necessário remover a grama plantada para fazer um novo plantio. Nesse caso, vale usar a estratégia da cobertura orgânica antes de fazer o replantio, e ir refazendo o replantio por trechos do gramado. A cada 6,45 cm², são 16 sementes de grama, espaçadas igualmente. Você pode usar os rolos de grama já comprados crescidos e cultivados, mas eles podem vir contaminados, portanto inspecione-os antes da compra.

Para manter um jardim bonito e livre de ervas daninhas, o monitoramento deve ser constante. É a mesma dedicação que você deve dar a uma horta caseira. Não adianta achar que você pode deixar a grama crescer de qualquer jeito e consertar depois. Arrancar ervas daninhas só ameniza um problema que é bem mais grave do que você pode imaginar.

Como você trata ervas daninhas no seu gramado? Qual o método de prevenção que você adota?

Sobre o autor

Autor André M. Coelho

A mãe de André sempre gostou de fazer reformas na casa que tem em um sítio. André aprendeu com ela, e quando comprou seu apartamento, começou a projetar, reformar, e adaptar diversas coisas que não gostava. Como síndico do prédio, convenceu os moradores a trocar a rede elétrica da década de 70, trocar os extintores por modelos mais seguros, e adaptar as escadas do prédio com corrimões mais seguros. Hoje está com um projeto de um imóvel na zona rural, compartilhando no site 2 Quartos tudo que vai aprendendo sobre reformas, construção, e mercado imobiliário.

Deixe um comentário