Embora a pintura seja uma manutenção relativamente fácil e divertida, aprender como pintar uma parede é necessário antes de se dedicar à tarefa. Existem etapas de preparo da pintura, durante a pintura e após a pintura que precisam ser seguidas para que a parede fique bonita e bem conservada por um longo tempo.

Como se preparar para a pintura?

Limpeza da parede – Suas paredes internas e externas devem ser cuidadosamente limpas e qualquer vegetação deve ser podada antes de começar a pintar. Uma lavadora de alta pressão consegue remover a maior parte da sujeira e mofo nas paredes, mas áreas mais teimosas realmente deve ser atacadas com uma parte de lixívia para seis partes de água, deixando secar e, em seguida, esfregando com uma escova de aço. Se você tiver que pintar parede com umidade, seque a parede antes com o uso de um soprador de ar quente ou ventilador, ou deixe a umidade secar naturalmente. Se estiver fazendo isso dentro de casa, vale a pena alugar um aspirador de pó industrial para sugar toda a sujeira na hora de lixar, além de comprar uma lixadeira para parede.

Reparando as paredes – Principalmente se sua parede tem uma camada de reboco para o acabamento, é necessário reparar quaisquer partes que estejam danificadas ou velhas antes de fazer a pintura. Se você encontrar quaisquer fissuras ou buracos, encha-os com a argamassa apropriada, respeitando as proporções de misturas na embalagem da argamassa. Escove todos os detritos e, em seguida, aplique uma demão de agente de ligação antes de aplicar a argamassa com uma espátula molhada. Se a parede soar oca em alguns pontos, remova o reboco completamente e refaça, pois ele se descolou da parede. Esse é um tipo de reparo urgente para a casa, que não pode ser postergado por muito tempo.

Pintando sua casa ou apartamento

Escolha uma cor bonita para seus cômodos e seja feliz com sua pintura! (Foto: www.distrohome.com)

Cubra móveis, eletrodomésticos e plantas – Evite que estes fiquem manchados com tinta. Cubra com uma lona para evitar respingos. Remova carpetes e tapetes durante a pintura. Cubra embaixo do local onde você está pintando com uma lona também, evitando respingos no seu piso.

Use fita para pintura para proteger portas, janelas, rodapés e beirais – Recomendamos uma fita adesiva que não seja branca, para você diferenciar. Cole para separar as transições e evitar que você pinte o acabamento de sua casa.

Use o EPI adequado – Máscara de respiração, luvas, óculos de proteção, botas com biqueira de aço, tampões para o ouvido, calças e camisas adequadas para o serviço. O EPI é muito importante para qualquer reparo em casa, e evita que você se machuque, caso um acidente aconteça.

Compre tinta e material suficiente – Como uma orientação geral, você vai precisar de cerca de um litro de tinta para cada 10 metros quadrados de parede lisa. As superfícies ásperas exigem mais, às vezes tanto como um litro para cada quatro metros quadrados. Meça a altura da parede e largura, subtraindo a área de janelas e portas, já que não serão pintadas. Rolos anti respingo, solvente, lixas e pincéis, são apenas uma pequena parte da lista de compras para pintar suas paredes. Pode ser melhor pintar com um compressor de ar, pois ajuda a economizar nos materiais usados para a pintura. Porém, cabe lembrar que você ainda precisará de rolos e pincéis para fazer o acabamento adequado.

Não tente fazer tudo em um dia só – Divida o trabalho de em quantidades administráveis. Considere que cada sala ou quarto da casa demora um dia para ser pintado e secar, para receber uma segunda mão de tinta (quando necessário). Separe mais dias de trabalho caso sejam necessários reparos na alvenaria e acabamento das paredes. E muitas pessoas que tem pressa, acabam seguindo dicas de pessoas ensinando como pintar parede já pintada: não faça isso. Dedique-se a lixar tudo e refazer a pintura, principalmente se você não souber quantas vezes a parede já foi pintada. Camadas de tintas diferentes podem se acumular, e cada uma delas reage diferente ao ambiente, expandindo e contraindo. Uma rachadura em uma camada estragará todas as camadas, e você terá de refazer todo o serviço.

Escolha a tinta certa – Látex PVA, solúvel em água, não deve ser usada em áreas molhadas. Tinta acrílica é mais cara, mas é impermeável, ideal para pontos molhados e que ficam muito úmidos. Tinta esmalte tem base de óleo e devem ser usadas sobre superfícies de madeira ou ferro. Tintas de epóxi e poliuretano tem uso específico para impermeabilização de áreas extremamente úmidas, como piscinas e caixas d’água, ou para pintar o piso de garagens, facilitando a limpeza do óleo.

Como fazer a pintura?

Uma vez que você tenha planejado e preparado para a pintura, espere um dia seco e ensolarado para começar o trabalho. Não pinte em dias muito úmidos (umidade relativa do ar acima de 50%), ou a tinta vai demorar dias para secar

Dissolva a tinta – Siga as instruções na lata de tinta para dissolvê-la, usando a proporção adequada de solvente. Tintas de epóxi e poliuretano precisam de um catalisador para serem “acionadas”. Tintas de esmalte precisam de uma base de primer para se fixarem às superfícies de metal ou madeira corretamente.

Evite pintar sob luz solar direta – Comece a pintar uma parede que está na sombra e siga o sol ao redor da casa. Inicie sempre na parte superior e vá descendo. Se você é destro, comece no lado direito e trabalhe para a sua esquerda, de modo que você não está trabalhando em todas as áreas recém-pintadas. Se você for canhoto, comece no lado esquerdo.

Balde de tinta – Em vez de carregar uma lata pesada para cima e para baixo, despeje a sua pintura em um balde de tinta com alça. O tamanho e conforto é muito mais gerenciável, principalmente quando você estiver usando escadas. Use um suporte do lado da escada para pendurar o balde de tinta. Mantenha sempre três pontos de contato com a escada e nunca segure a tinta (ou qualquer outra coisa) em uma das mãos, enquanto pinta com a outra.

Como pintar parede usando pincel – Molhe uma escova de cerdas firmes em tinta e use pequenas pinceladas para a cobertura máxima. Em uma superfície lisa, pinte horizontalmente e verticalmente no mesmo local. Em superfícies ásperas, pinte em todas as direções para se certificar de que você cobriu cada área corretamente.

Como pintar parede usando rolo – Prefira um rolo de pintura articulado. Molhe ele na tinta, assim como fez com o pincel. Faça rodapés e transições para janelas e portas com um pincel antes de usar o rolo (pelo menos uma faixa de 5 cm a 10 cm). Use uma bandeja de pintura, molhando o rolo e “limpando” ele na parte apropriada da bandeja, removendo os excessos. Passe o rolo na parede verticalmente, sem aplicar muita pressão. Remova o rolo da parede afastando-o quando a tinta acaba e repita o processo. Volte ao ponto inicial assim que acabar a primeira passagem do rolo para reforçar a camada de tinta.

Tenha um horário para a pintura – Pare de pintar pelo menos duas horas antes do pôr do sol para que a área que você pintou por último tenha tempo para secar.

Depois de pintar

Tempo para secar as paredes – Se você segui as dicas até aqui, suas paredes estarão secas no dia seguinte. Não deixe que nada magra ou escova contra as paredes até que eles estejam completamente secas. Você deve permitir que pelo menos três dias para isso.

Limpe os pincéis e rolos – É mais fácil de limpar os pincéis e rolos imediatamente após o uso. Encha uma jarra ou balde pequeno com uma substância apropriada e permita que os pincéis e rolos fiquem de molho por um tempo curto. Lave com água depois, mas evite que a água vá para o seu encanamento: a tinta que sai do pincel pode entupir os tubos. Use luvas durante a limpeza. Uma vez que você tem certeza que o pincel e o rolo estão limpos, seque e embrulhe em uma toalha de papel fixada com fita adesiva. Assim, ele retornará à sua forma original enquanto seca, e você poderá utilizá-lo mais vezes.

Ficou alguma dúvida? Deixe sua pergunta nos comentários. Teremos o prazer em ajudar!

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)