8 dicas de cortina para quarto

Em Dicas para sua casa por André M. Coelho

As cortinas do quarto são mais apenas um meio para criar um refúgio privado. Uma cortina com o revestiment, comprimento, tecido e cores certos pode adicionar uma sensação de graça e sofisticação a qualquer quarto.

Neste post, vamos ajudá-lo a reduzir suas opções e selecionar a cortina ideal para sua área de dormir.

1. A cortina para quarto perfeita vai além do estilo pessoal

Ao escolher uma cortina para o seu quarto, aqui estão alguns ponteiros essenciais para pensar primeiro:

A privacidade deve ser sua prioridade número um. Sua cortina de quarto deve manter a privacidade, mesmo quando aberta.

Escolha entre uma vibração “ensolarada” ou formal. As cortinas ensolaradas têm um tecido leve, enquanto os formal são um pouco mais pesados.

A cor e o padrão da cortina desejada devem misturar-se perfeitamente com o seu design e decoração do seu quarto.

Somente limpeza a seco ou máquina de lavar? Escolher o tipo de lavagem correto pode economizar nos custos a longo prazo.

Se você se contentar com uma cortina estampada, a escolha das suas cortinas deve expressar claramente o seu estilo único.

O layout geral da cortina também deve acentuar o design de interior do seu quarto.

Nós entendemos se você ainda tem toneladas de perguntas. Não se preocupe. Ainda daremos mais dicas

2. Escolha a cortina para quarto de casal, bebe, ou de solteiros pelos critérios certos

Estes são alguns dos fatores essenciais a considerar ao escolher uma cortina para o seu quarto:

1. Privacidade

Antes de qualquer outra coisa, certifique-se de que sua cortina não comprometa sua privacidade. As cortinas de qualidade devem manter seu quarto ativo e brilhante enquanto ainda conseguem oferecer um grau justo de privacidade.

Algumas das melhores cortinas que você deseja considerar para fins de privacidade incluem cortinas de privacidade pura, cortinas blackout, cortinas em camadas e cortinas de suspensão.

2. Tecido

Se o tecido for muito pesado, pode dar-lhe dificuldades ao desenhar. Além disso, se é muito leve, não cairá facilmente. Você pode testar a cortina real do seu tecido, segurando uma amostra dela sobre uma janela.

Plisse no topo da forma de um acordeão e deixe cair para fazer sua análise pessoal.

3. Estilo de lavagem

Decida se deve ir para uma cortina lavável em máquina ou lavável à seco. As cortinas de alta qualidade precisam ser lavadas em um estilo específico.

Descubra qual estilo de lavagem é melhor para sua cortina evitar perder tempo e dinheiro no futuro.

Cortinas para quarto

Uma cortina bem escolhida trará elementos únicos para seu quarto, além de arejar bastante o ambiente. (Imagem: Pinterest)

3. Qual é a melhor cor para cortinas de quarto?

Há muito para discutir quando se trata de cor de cortina – especialmente porque é uma das características mais críticas de qualquer cortina.

A cor mais adequada para sua cortina depende do seu quarto. Para uma aparência mais decorativa e coesa, coordene as cores existentes do seu quarto com suas cortinas.

Se suas paredes, roupas de cama ou outros objetos ao redor da sala compartilham uma cor vívida, é melhor escolher uma cortina com um tom neutro. Os trabalhos opostos também – se as paredes e os objetos em seu quarto têm uma sombra neutra, montar uma cortina com cor vívida.

Se o seu quarto tiver cores misturadas, como branco, cinza ou marrom, escolha uma cor de cortina que resume todos eles: Bege. As cortinas brancas geralmente vão bem com cores de parede fresca e quente. Se você preferir uma cortina listrada por cores, garanta pelo menos uma cor nas listras corresponde à das paredes. Marfim ou paredes brancas irão bem com um marfim ou fundo branco.

Você pode decorar as cortinas com uma banda de tecido que compartilha uma sombra semelhante à parede do seu quarto. Idealmente, a banda deve estar ao longo da bainha ou a borda principal – uma fita costurada em um design de rolagem ou trabalhos chave gregos.

4. Escolha a cor de cortina corretamente

Comece visualizando como você quer que suas cortinas se misturassem com o layout do seu quarto. Isso ajudará você a ter uma melhor compreensão de como conseguir uma decoração neutra.

Uma maneira segura de escolher uma cor de cortina é estudar sua cor da parede. Use uma sombra mais escura dessa cor como sua cor de cortina ideal.

Você prefere ter suas coberturas de janela notadas antes de qualquer outra coisa na sala? Em caso afirmativo, selecione uma cortina que tenha alto contraste com as paredes adjacentes. Se suas paredes são azuis, por exemplo, se contentar com uma cortina baseada em amarelo.

Como a cortina amarela se destaca de seu entorno imediato, ela se torna automaticamente o centro de atração.

Cortinas para quartos

Escolha a cor de cortina correta para seu quarto poderá criar um contraste perfeito ou complementar as cores já existentes no ambiente. (Imagem: Pinterest)

5. As cortinas devem ser mais claras ou mais escuras que paredes?

Uma maneira certa de alcançar um olhar monocromático suave é indo para uma cortina com a mesma cor que sua parede – mas mais escura.

Por exemplo, se suas paredes tiverem um tom de damasco, opte por uma cortina com uma cor laranja queimada. Se tudo no seu quarto é branco, sua cor de cortina deve estar fora de branco também.

Esse tipo de configuração exala uma sensação de confiança no seu fim. Em geral, as cortinas são uma oportunidade para adicionar interesse visual, padrão e cor ao seu quarto.

Você também pode enfeitar o seu espaço para dormir com cortinas de uma sombra mais clara. Certifique-se de não se deslocar muito longe da cor da sua parede. Uma cortina que não corresponde ao fundo tira a essência de tê-lo como um acessório decorativo.

6. Qual é o melhor comprimento para cortinas de quarto?

Isso dependerá principalmente do tamanho da janela do seu quarto e estilo de decoração. Existem três tipos de comprimentos de cortina: apron, floor e puddle.

Os comprimentos de cortina de apron são os mais adequados para janelas que você abre com frequência. Eles são simples e exclusivos. Isso facilita a abertura e fechamento de sua cortina com o mínimo de esforço.

Cortinas do comprimento apron normalmente medem 84 polegadas/215 cm e recolhem menos sujeira e poeira do que o modelo floor. Isso os torna ideais para um layout do quarto, pelo que a janela está logo acima da cama ou em qualquer outro mobiliário.

A cortina floor é de aproximadamente 96 polegadas/245 cm. Esse tipo de comprimento possibilita pendurar sua haste de cortina ligeiramente superior à sua janela. Fazer isso atrai o olho para dar o seu teto uma aparência mais alta.

Comprimento de puddle das cortinas acumulam chão devido ao seu comprimento que pode esticar até 108 polegadas/275 cm. Elas são os mais ideais para os quartos principais ou outros quartos sem animais de estimação ou crianças. Além disso, elas têm um visual mais romântico.

Tipos de cortinas para quartos

O acabamento e as dobras das cortinas também influenciam muito no estilo do seu quarto. (Imagem: Pinterest)

7. Cortinas para o quarto podem arrastar no chão

Ao usar cortinas de comprimento de puddle, tudo bem para deixá-las arrastando no chão. Estas são a opção de cortina mais preferida para a maioria dos clientes. Por quê? São uma opção mais prática e oferecem uma aparência mais casual. Elas são os comprimentos para ir se você abrir e fechar suas cortinas com certa frequência.

Cortinas de todos os tecidos parecem mais impressionantes quando envoltas no chão. Para conseguir este visual, tudo o que você precisa fazer é medir sua cortina até chegar ao chão. Adicione uma polegada/2,5 cm extra para garantir que elas cubram casualmente o chão.

Quanto mais tecido você tiver, melhor o resultado. Este olhar funciona principalmente para pisos na sala com tráfego mínimo que você não limpa com muita frequência.

8. Os melhores tecidos para cortina

Pode ser esmagador tentando obter o tecido perfeito para sua cortina. Das variedades de materiais no mercado hoje, você precisa encontrar aquele que se adapte ao seu gosto específico. Aqui estão alguns dos tecidos mais populares que você pode tentar:

1. Veludo

Este tecido grosso e pesado é o mais preferido para fornecer isolamento. Eles adicionam um ar de opulência e luxo também. Uma de suas desvantagens é que ela reúne poeira e sujeira mais do que outros tecidos. Felizmente, você pode remediar isso por aspirar de forma frequente.

2. Seda

As cortinas de seda têm uma aparência delicada que traz esse efeito romântico e sonhador para qualquer sala. Eles têm uma natureza com dificuldade e surpreendentemente durável. Seda falsa é razoavelmente mais barata e extremamente suscetível a desbotamento.

3. Algodão

Cortinas de algodão são leves, duráveis ​​e biodegradáveis. Eles são perfeitos para quartos tradicionais e modernos. Embora não sejam tão pesados ​​quanto o veludo, o algodão pode cortar uma forma ligeiramente semelhante. Elas são acessíveis e fáceis de manter.

4. Poliéster

O poliéster é um tecido natural resistente ao molde que é muito durável e não desaparece rapidamente na luz solar. Se você está comprando uma cortina pela primeira vez, o tecido de poliéster é sua melhor opção. Não se estende nem rugas, e como todos os tecidos nesta lista, é fácil no bolso.

Ao selecionar a cortina ideal para o seu quarto, tenha em mente a sensação geral do seu quarto. Você gostaria que atuasse como o ponto focal ou como um mero cenário? Depois de considerar isso e o resto das outras dicas neste post em ação, temos certeza de que você encontrará facilmente a cortina ideal para o seu espaço para dormir!

Ficou alguma dúvida? Deixe nos comentários suas perguntas!

Sobre o autor

Autor André M. Coelho

A mãe de André sempre gostou de fazer reformas na casa que tem em um sítio. André aprendeu com ela, e quando comprou seu apartamento, começou a projetar, reformar, e adaptar diversas coisas que não gostava. Como síndico do prédio, convenceu os moradores a trocar a rede elétrica da década de 70, trocar os extintores por modelos mais seguros, e adaptar as escadas do prédio com corrimões mais seguros. Hoje está com um projeto de um imóvel na zona rural, compartilhando no site 2 Quartos tudo que vai aprendendo sobre reformas, construção, e mercado imobiliário.

Deixe um comentário